AArk logo

Anfíbios Contentores - Uma unidade de salvamento prática para os anfíbios

Os contentores de transporte isolados podem ser unidades de salvamento ideais para os anfíbios. São:
  • relativamente acessíveis em termos de custos, sendo muitas vezes mais baratos do que construções “tradicionais” novas (ver lista de preços abaixo)
  • disponibilizados em qualquer parte do mundo, muitas vezes como unidades “reformadas” com desconto que continuam aptas para a nossa utilização
  • facilmente modificáveis de modo a cumprirem especificações particulares; todos os principais portos do mundo parecem ter uma empresa especializada em adaptar unidades para outras utilizações (escritórios, armazenamento, alojamento, etc.)
  • modulares, facilmente colocados ao lado ou em cima uns dos outros, e, assim sendo, podem ser adicionados um de cada vez para aumentar a capacidade das instalações; ideais nos casos em que o espaço é limitado
  • o tamanho perfeito para alojar e salvaguardar uma população inteira de anfíbios de tamanho médio
  • facilmente modificados para se tornarem numa exposição atraente, decorando/ilustrando o exterior e acrescentando janelas de visualização grandes.
  Gerry Marantelli, do Amphibian Research Centre ARC) [Centro de Investigação de Anfíbios], na Austrália, foi pioneiro na utilização de contentores de transporte isolados para alojar anfíbios. O ARC modifica contentores por encomenda e fornece-os a outras organizações, incluindo a Reserva Natural de Tidbinbilla, o Taronga Zoo, o Chester Zoo e a Durrell Wildlife Conservation Trust. Existem várias organizações em todo o mundo que utilizam atualmente os contentores de transporte para os seus programas de conservação de anfíbios:
  • Amphibian Research Centre, Austrália
  • Atlanta Botanical Garden, EUA
  • Central Florida Zoo, EUA
  • Chester Zoo, Reino Unido
  • Currumbin Sanctuary, Austrália
  • Durrell Wildlife Conservation Trust, Jersey/Channel Islands
  • EVACC (iminente), Panamá
  • Fundação Parque Zoológico de São Paulo, Brazil
  • Honduras Amphibian Rescue and Conservation Center, Honduras
  • Macadmaia Castle, Austrália
  • Museo de Historia Natural Alcide d’Orbigny, Bolivia
  • Phoenix Zoo, EUA
  • Summit Zoo, Panamá
  • Taronga Zoo, Austrália
  • Tidbinbilla Nature Reserve, Austrália
  • Universidad de Concepción, Chile
  Abaixo encontram-se alguns exemplos das despesas incursas para comprar e equipar contentores de transporte:
  • ~30 000 dólares por um contentor de transporte isolado usado com 8’x8’x40’ (320 ft2) e alterações para melhorar significativamente a infra-estrutura e o serviço elétrico, melhorar a unidade de ar condicionado, adicionar piso de borracha de longa duração/resistente à água, etc.
  • ~10 000-15 000 dólares para equipar o contentor com tudo o que é necessário para a reprodução de anfíbios (prateleiras, tanques, sistema de iluminação, filtragem e sistema de manutenção de humidade), o intervalo entre os dois valores apresentados corresponde às diferenças nos níveis de automação e no número e tamanho dos tanques, à complexidade da canalização, etc.
  • ~5 000 dólares para os custos de envio internacionais (se o local de utilização for diferente)
  • ~2 000 dólares para a instalação (bloco de cimento, ligações eléctricas)
  • ~500 dólares para o gerador portátil (é fundamental ter energia de reserva)
  A AArk não vende nem beneficia financeiramente da venda destes contentores. Limitamo-nos a propor que estes contentores possam ser práticos em muitas circunstâncias, sendo que os nossos parceiros estão disponíveis para discutir as suas experiências (e fornecedores) consigo. Para mais informações entre em contato com: Luis Carrillo (Luis@AmphibianArk.org). Documents for download Shipping Containers for Frog and Tadpole Husbandry. P. Harlow, M. McFadden & A. Skidmore. Taronga Zoo, Herpetofauna Division, 2007. Amphibian pod photo gallery (Click images to enlarge)