AArk logo

Espécies para Resgate

Sem a imediata gestão em cativeiro, como componente paliativo de um esforço de conservação integrado, centenas de espécies podem vir a ficar extintas. Uma vez que os recursos disponíveis para os zoológicos e aquários são limitados, a Amphibian Ark precisa de tentar identificar que espécies requerem resgate e gestão em cativeiro mais urgente. As seguintes espécies foram avaliadas em workshops a nível nacional e regional, tendo sido considerado que necessitavam de resgate urgente – são espécies que ainda existem na natureza, mas cujas ameaças não podem ou não serão controladas ou revertidas a tempo de prevenir a sua provável extinção. As ameaças que constituem um perigo iminente de extinção imediata incluem aquelas para as quais ainda não temos solução (ex: o fungo quitridio, e as mudanças climáticas, ex.: salamandras de montanha da America Central (per Wake et al.) e rãs de montanha de Madagascar (per Raxworthy et al.)) ou ameaças para as quais existem soluções mas não os recursos para intervir (ex.: destruição iminente de mais de 50% do habitat por construção de barragens, mineração, poluição, etc., ou espécies que foram coletadas da natureza e isso as levaram a beira da extinção).

A versão actual do processo de Avaliação de Necessidades de Conservação foi utilizada para gerar mais de 2.653 avaliações para mais de 2.307 espécies específicas ( 31% das 7.530 espécies actualmente conhecidas), em 27 países ou regiões. Várias avaliações ao nível de país estão actualmente em curso. Os resultados de todas as avaliações estão disponíveis na página Resultados das Avaliações, e no nosso novo programa de avaliação online. Estão planeadas mais avaliações para outros países e regiões nos próximos meses. Os benefícios deste processo de avaliação são claros – nós juntamos os principais peritos em anfíbios no terreno em cada região, para em conjunto determinarem a melhor sequência de acções de conservação, para ajudar a prevenir a extinção na natureza de espécies de anfíbios ameaçadas. Estas acções incluem a preservação e recuperação de habitats, mitigação de ameaças, reprodução em cativeiro para libertação e sensibilização e envolvimento de comunidades.

A AArk recomenda vivamente que os programas de resgate sejam estabelecidos dentro do país de âmbito sempre que possível. Zoológicos, aquários e outras organizações de reprodução em cativeiro que estejam a considerar a implementação de novos programas de investigação de anfíbios são fortemente encorajados a considerar as seguintes espécies, as quais foram recomendadas para programas de conservação ex situ através da Avaliação de Necessidades de Conservação. Informação acerca da possível disponibilidade de animais fundadores e da realização de um estudo filogenético relevante está incluída quando conhecida. Esta informação adicional pode indicar que espécies são actualmente apropriadas para programas de resgate em cativeiro, e quais poderiam beneficiar de investigação adicional na natureza, antes de estabelecer um programa em cativeiro. As espécies para as quais se julga existirem fundadores disponíveis na natureza e para as quais tenha sido realizado uma análise filogenética, devem talvez ser consideradas antes de outras para as quais a informação é incompleta.

Clique no separador de país para saber que espécies têm indicação para resgate urgente em cada país.